Seminário Internacional Caminhos para a Qualidade da Educação Pública: Impactos e Evidências

Seminário Internacional Caminhos para a Qualidade da Educação Pública: Impactos e Evidências
As palestras do evento foram nos dias 15 e 16 de setembro no Teatro Cetip, em Pinheiros, na capital de São Paulo.

Diferentes especialistas da área de educação e gestores de escolas e outros espaços educativos se reuniram para assistir palestras nacionais e internacionais sobre estudos e pesquisas educacionais que podem contribuir nas tomadas de decisões, além de oferecer apoio para a interpretação de práticas internacionais sobre avaliações no contexto brasileiro.

As palestras do evento foram nos dias 15 e 16 de setembro no Teatro Cetip, em Pinheiros, na capital de São Paulo. Dentre os palestrantes foram: Greg Welch (Universidade de Nebraska), Roberto Lent (Universidade Federal do Rio de Janeiro e Rede Nacional de Ciência para a Educação), Paula Louzano (Universidade de São Paulo), Francisco Soares (Universidade Federal de Minas Gerais e ex-presidente do Inep), Fred Amancio (secretário de Educação de Pernambuco), Raquel Teixeira (secretária de Educação de Goiás), Ricardo Paes de Barros (Instituto Ayrton Senna/Insper), Ricardo Madeira (Universidade de São Paulo), Sergio Firpo (Insper), entre outros.

O encontro contou com a apresentação pelo Instituto Unibanco do impacto do Jovem de Futuro, sua estratégia de produção e uso de evidências para o redesenho da intervenção. Implementado desde 2007, o programa tem como objetivo fortalecer nas redes públicas de ensino a gestão escolar voltada para resultados de aprendizagem. O Instituto também realiza estudos e outros tipos de avaliações com a finalidade de aprimorar suas ações. Esses trabalhos são realizados em parceria com o setor público e academia.

Confira abaixo cobertura completa do Setor3 no primeiro dia (15 de setembro):

Economistas ressaltam a importância da gestão escolar e uso de evidências para melhoria da qualidade do ensino

Representantes dos ministérios da educação da Finlândia e México compartilham experiências para melhoria no processo de aprendizagem e ensino

Especialistas falam do uso da ciência a favor de políticas educacionais

Boa leitura!


Data original de publicação: 26/09/2016