Premiação reconhece empresas que empoderam mulheres

Em sua quarta edição, Prêmio WEPSs Brasil 2021 – Empresas Empoderando Mulheres registra participação cada vez mais maior de organizações engajadas da alta liderança de seus negócios.

Ilustração de perfis de mulheres e lado direito texto com uma seta subindo: Prêmio WEPs - inscrições abertas até 9 de abril.
Nas edições anteriores do prêmio no Brasil, foram reconhecidos trabalhos de diferentes empresas, como Unilever, na categoria Diamante em 2019 entre 68 finalistas. (crédito da imagem: divulgação)

O Programa Ganha-Ganha: Igualdade de Gênero Significa Bons Negócios, parceria entre ONU Mulheres, Organização Internacional do Trabalho (OIT), com financiamento da União Europeia, promove o 4º Prêmio WEPs BRASIL 2021 – Empresas Empoderando Mulheres. As inscrições são gratuitas e vão até 09 de abril.

Empresas privadas ou públicas, de micro, pequeno, médio ou grande porte de diferentes setores poderão se inscrever no site premiowepsbrasil.com.br. Nesse canal, também há informações detalhadas sobre os critérios de avaliação e as diferentes categorias de premiação.

O Prêmio WEPs incentiva e reconhece as ações das empresas que promovem a cultura da equidade de gênero nos negócios e o empoderamento das mulheres – tendo como guia norteador os Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs, na sigla em inglês de Women’s Empowerment Principles), lançados mundialmente pelo Pacto Global da ONU e a ONU Mulheres em 2010.

Mais igualdade é bom para os negócios – O empoderamento econômico das mulheres é uma das chaves para o desenvolvimento sustentável e para um mundo mais igualitário – e uma ação necessária para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), da Agenda 2030, estabelecida em 2015 pela ONU para erradicar a pobreza, proteger o planeta e garantir que as pessoas alcancem a paz e a prosperidade.

Estimular a igualdade de tratamento entre mulheres e homens no ambiente corporativo e na comunidade é bom para os negócios e na defesa de direitos. Resulta no aumento da produtividade e satisfação das colaboradoras e colaboradores, na melhoria do clima organizacional, no fortalecimento da imagem institucional, na atração de investimentos, profissionais de excelência, consumidoras e consumidores.

Por meio do Programa Ganha-Ganha, a ONU Mulheres e OIT, com financiamento da União Europeia, vêm trabalhando junto ao setor privado e instituições de negócios no Brasil e mais cinco países da América Latina (também Argentina, Chile, Costa Rica, Uruguai e Jamaica) para aumentar o engajamento em relação à igualdade entre homens e mulheres, contribuindo com conhecimento e acesso a ferramentas para que as empresas possam aprimorar suas práticas pela igualdade no próprio ambiente de trabalho, cadeia de valor e comunidades com as quais se relacionam.

A Plataforma norteadora para esse trabalho são os WEPs defende os seguintes princípios: salário igual para trabalho de igual valor, práticas de cadeia de fornecimento com perspectivas de gênero e tolerância zero contra o assédio sexual no local de trabalho.

Sem concorrer entre si, mas sim correndo pela maior pontuação dentre os Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs), as companhias recebem troféus na categoria menção honrosa, bronze, prata e ouro – considerando ainda os diferentes tamanhos das empresas (grande porte, médio porte ou pequeno porte). A escolha das companhias incluiu análises de avaliação e a consolidação dos resultados pela comissão técnica. A proposta de reconhecimento das finalistas é submetida a uma banca de juízas composta por diferentes profissionais voluntárias especialistas em equidade de gênero e negócios.

Informações no site do Prêrmio: premiowepsbrasil.com.br