National Geographic Society apoiará projetos de conservação da Amazônia

Por meio de seu programa de bolsas, o grupo promove duas convocatórias de preservação ambiental.

Foto Estrada Amazônia
National financiou mais de 180 projetos liderados por exploradores latino-americanos. (crédito da imagem: Charlie Hamilton James)

Para contribuir com mais conhecimento sobre a floresta e soluções inovadoras e sustentáveis, a National Geographic Society promove duas convocatórias Capacitação da Amazônia e Histórias da Amazônia. As propostas podem ser enviadas até 09 de outubro.

Conservacionistas, exploradores, pesquisadores e comunicadores podem se inscrever nos dois chamados que irão financiar projetos com o objetivo de preservar sua biodiversidade e empoderar as comunidades locais que vivem dentro e em torno da floresta.

Serão priorizados os projetos que beneficiem as comunidades locais ou incorporem vozes locais, bem como resultados (produtos) no idioma local.

Capacitação da Amazônia

Essa chamada pretende apoiar projetos que desenvolvam a capacidade e a efetividade das organizações comunitárias e dos grupos indígenas envolvidos para melhorar a conservação e a gestão florestal sustentável. As propostas devem favorecer os objetivos das comunidades locais; respeitar e integrar os conhecimentos tradicionais; ser compatíveis com as perspectivas culturais, os valores e as estruturas organizacionais das comunidades; ser dirigidas por líderes locais ou focadas na preparação e capacitação de líderes locais. A National prioriza projetos que destacam a aprendizagem bidirecional e a criação conjunta de soluções. Acesse aqui como participar dessa chamada: https://bit.ly/2k9fIgt

Histórias da Amazônia

Nessa chamada, a National irá financiará projetos para contar histórias, que destacam a importância desses ecossistemas e que mostrem soluções para mitigar ou reverter o impacto da atividade humana. Desta forma, convoca jornalistas, fotógrafos, cineastas, cartógrafos, visualizadores de dados e contadores de histórias que possam efetivamente divulgar o que será perdido se estes biomas não forem protegidos, e que apresentem possíveis soluções para criar melhorias efetivas e sustentáveis.

Os interessados podem acessar aqui como se inscrever na convocatória Histórias da Amazônia: https://bit.ly/2xJs6GU