setembro, 2019

28set16:00- 19:00Lançamento do livro: Autonomia FinanceiraLançamento do livro: Autonomia Financeira

Mais

Detalhes do evento

Neste novo livro, com lançamento no próximo dia 28 de setembro (sábado) na Livraria da Vila, das 16 às 19 horas, é possível perceber a objetividade de suas propostas, verdadeiros instrumentos que apontam para o futuro não como utopias, mas como sistemas orgânicos em busca de soluções imediatas.

Na oportunidade, o site www.econsolidaria.org será apresentado aos convidados. Uma plataforma que reúne toda a trajetória de Rosalvi Monteagudo – pesquisadora, articulista na internet e autora de obras voltadas ao cooperativismo e à economia solidária -.

Para dar continuidade às sugestões de Economia solidária – Novas regras – é necessário criar uma empresa virtual, iempresa, a fim de formar de maneira prática um meio para a geração de trabalho em cooperação econômica.

A partir da revisão do cooperativismo, são sugeridas regras para a procura de soluções, como meio para a distribuição equitativa das reivindicações humanas. A simbiose socioeconômica organiza a equidade pelos valores prefixados A/B/C/D, forma o valor social, base da organização socioeconômica.

O trabalho e a produção distribuída em equidade cria uma nova mentalidade na humanidade que precisa ser consolidada pelo desenvolvimento. A autogestão é a gerência da empresa pelos cooperadores/donos, através da gestão democrática que aplica a regra 30%/70% para decidir com clareza e transparência as prioridades da iempresa em assembleia geral.

Além de estabelecer as bases da autonomia financeira pela organização do capital particular dos cooperadores/donos de baixo para cima. A iempresa organiza as ações pertinentes, como: concentração, dispersão e conjunta, que estabelecem a redução do custo para organizar o dumping comercial pelo justo preço.

A iempresa é uma empresa social descentralizada entre suas diversas funções, em sua organização socioeconômica. O social é representado pela produção humana; a informação, que se quantifica de baixo para cima, concentra e transforma em valores ao somarem entre vários cooperadores/donos. O mercado social, através do valor do know-how, faz uma ação global para desenvolver a humanidade, gerar trabalho e divisas e fixar o homem na terra, e regulamenta o dumping comercial e o ambiental, organiza a área de atuação local/comunitária.

A doutrina econômica da cooperação respeita a geopolítica dos mercados e os interliga: porém, segue as determinações de qualquer regime político com neutralidade para que cumpra com o maior dever social: gerar trabalhos. Este é um dever global, um dos maiores direitos da humanidade, pois se opõe à pobreza e retoma a dignidade humana. Nesta quarta revolução industrial e tecnológica organiza a iempresa em microrregulamentação e macrorregulamentação, para compartilhar os recursos humanos, materiais e econômico-financeiro.

Além dos recursos da organização da ação de integração em auxílio mútuo num superfederalismo na área nacional, com o hiperfederalismo e o contifederalismo na área de atuação global. Anexa a metodologia da simbiose socioeconômica para seus princípios específicos serem compreendidos e representados pelo controle democrático, e propõe para que tenha a autonomia na organização cooperativa, a autogestão da iempresa e autonomia financeira.

Rosalvi Monteagudo é contista, pesquisadora, professora, bibliotecária, assistente agropecuária, funcionária pública aposentada e articulista na internet. Mestre em Cooperativismo pelo CEDOPE/UNISINOS (São Leopoldo, RS) e autodidata, lê e estuda sobre Economia e o forte papel que exerce no social. Sensível às necessidades brasileiras, analisa, observa atentamente e passa a refletir o saber. E preciso um reexame das regras e princípios que evoluem o terceiro Setor como meio de cooperar com os problemas socioeconômicos do país. Percebe Sua importância para a época atual e Começa a estudá-lo profundamente. Publica vários artigos. Cria o COOPSOVr, que são novas regras via software, a fim de beneficiar-se da redução do custo on-line. Foi editora responsável do boletim informativo do ICA/SAA, São Paulo, no qual criou o espaço “Comentários; repensando o cooperativismo”. Organiza cursos, conferências, estandes em feiras etc. Exerce várias atividades concomitantes, como voluntária na Pastoral da Criança, presidente- fundadora da Econsolidaria, além de constituir e participar de diversas associações. Empreendedora socioeconômica, participou ativamente de oficinas  palestras do Fórum Social Mundial, de 2002 a 2005.

Tempo

(Sábado) 16:00 - 19:00

Localização

Livraria da Vila

Rua Fradique Coutinho, 915 – Pinheiros - São Paulo - SP

Organizador

Scortecci Editoramariaclara@procultura.com.br R. Dep. Lacerda Franco, 96 - Pinheiros, São Paulo - SP

X