junho, 2019

10jun09:30- 19:00Lançamento da pesquisa: O conservadorismo e as questões sociaisLançamento da pesquisa: O conservadorismo e as questões sociais

Mais

Detalhes do evento

A Fundação Tide Setubal e o Plano CDE lançam a pesquisa “O conservadorismo e as questões sociais”, em 10 de junho, no auditório do jornal Folha de S.Paulo, com uma roda de conversa de especialistas aberta ao público, a partir das 9h30 (inscrições prévias no link: https://conteudo.fundacaotidesetubal.org.br/conservadorismo).

Sob a luz dos resultados, compõem a mesa de debates na Folha: Henrique Vieira, pastor, professor, cientista social, historiador, teólogo e ator; Esther Solano Gallego, socióloga, doutora em Ciências Sociais pela Universidad Complutense de Madrid e professora adjunta da Universidade Federal de São Paulo no curso de relações internacionais; e Mafoane Odara, psicóloga, mestre em Psicologia pela Universidade de São Paulo, coordenadora de projetos no Instituto Avon e membro da diretoria do Fundo Brasil de Direitos Humanos. A mediação fica a cargo de Vinicius Torres Freire, colunista da Folha.

A pesquisa qualitativa, realizada pela equipe da Plano CDE, sob encomenda e com apoio da Fundação Tide Setubal, ouviu, entre o fim de março e o início de abril deste ano, 120 pessoas, com renda per capita de 469 a 1499 reais (equivalente à faixa intermediária de renda, excluindo-se os 25% mais ricos e os 25% mais pobres). Eles tinham entre 18 e 45 anos, eram homens e mulheres e viviam nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Recife. Para a seleção dos entrevistados, foi considerado o perfil de votação nas últimas eleições e a concordância em relação a temas polêmicos, excluindo-se os que se posicionaram nos extremos políticos, ou seja, trata-se de uma representação do brasileiro médio, não-radical, de “classe média”.

A investigação combinou entrevistas em profundidade com dinâmicas análogas a de grupos focais e teve os seguintes objetivos: 1- compreender os principais valores, anseios e preocupações dos conservadores sobre temas como renda/poder aquisitivo, violência, política/corrupção; 2 – mapear discursos, percepções e conceitos construídos sobre desigualdade social, de raça, e gênero/LGBT, além do papel das ONGs na sociedade; 3 – entender o perfil desse público e as lógicas da perspectiva conservadora.

As inscrições somente para acompanhar pela web.  

Tempo

(Segunda) 09:30 - 19:00

Localização

Auditório da Folha de S. Paulo

al. Barão de Limeira, 425, 9º andar, Campos Elíseos, São Paulo-SP

Organizador

Plano CDE R. Padre García Velho, 73 - Pinheiros, São Paulo - SP

X