Captamos: rede social para troca de conhecimento e experiências na mobilização de recursos

espe-topo-captamosImagine uma rede social destinada a captadores de recursos para compartilharem experiências, conhecimentos, práticas, editais e outros dados? Essa é a ideia da plataforma on-line de capacitação em captação chamada Captamos apresentada em uma das palestras na tarde do último dia da oitava edição do Festival ABCR no Centro de Convenções Rebouças em São Paulo.

A iniciativa existe há um ano e será lançada no segundo semestre deste ano. Essa apresentação da plataforma ocorreu para conseguir alguns captadores voluntários que contribuíssem com comentários e sugestões para finalizar a plataforma mais alinhada com esse segmento. Para explicar o que é, como funciona, objetivos e como pretende contribuir, participaram: Julia Pereira, gerente da área de lideranças do Instituto Arapyaú, e João Paulo Vergueiro, diretor-executivo da ABCR, professor assistente da FECAP, administrador e mestre em administração pública.

João Paulo contextualização a criação da plataforma e das organizações envolvidas nesse projeto. “Queremos contribuir para a cultura de doação no Brasil. Estimula as organizações a se tornarem mais eficazes e fortes financeiramente”, enfatizou. Em sua opinião, para que as práticas de captação de recursos sejam estimuladas precisa do apoio da sociedade civil. Por isso, é essencial a captação entre os indivíduos. “É possível desenvolver uma cultura filantrópica permanente. A sociedade civil é forte, quando é financiada por indivíduos concretamente”.

O diretor-executivo da ABCR informou que a campanha do Dia de Doar foi financiada pelo Instituto Arapyaú, um movimento voltado para promover a solidariedade no país todo e incentivar uma pesquisa de doação aqui. Também explicou que conta com o envolvimento e apoio das seguintes organizações: Fundação Cecília Souto Vidigal, Open Society Foundations e o Instituto Arapyaú.

João ainda comentou que a plataforma vai permitir promover o tema de captação de recursos on-line, contribuir aos profissionais que estão iniciando nessa área e até desenvolver mais seus planos de mobilização. “Para estarem preparados, doação não é só pedir recursos, mas estratégica. Vamos oferecer cursos, cases e oportunidades na área”, esclareceu.

Julia navegou na plataforma para explicar cada parte da plataforma. Enfatizou que é uma iniciativa criada e desenvolvida por muitos profissionais de diferentes organizações. É um espaço com conteúdos sobre o tema, vídeos didáticos (no máximo 40 minutos) sobre assuntos relacionados, artigos, exercícios práticos, notícias, vagas de emprego desse segmento. Também possibilita o captador interagir com outros captadores, mostrando suas próprias ações e trocando experiências e esclarecendo dúvidas. Mostrou ainda que possui um espaço para esses usuários postarem seus comentários como uma rede social. As principais seções são três: Inspire-se, Aprenda e Compartilhe. “Queremos que possibilita capacitação no dia a dia desse profissional”, afirmou.

Essa ferramenta digital já foi testada por diferentes pessoas de 11 Estados do Brasil, que navegaram, opinaram e contribuíram com sugestões em geral. “A ideia é ser uma rede social para melhorar a troca de conhecimento para melhorar a cultura de doação”, disse Julia.

8º Festival ABCR

Entre os dias 4 e 6 de maio, ocorreu um evento voltado para captação de recursos a organizações da sociedade civil no no Centro de Convenções Rebouças em São Paulo. Participaram deste encontro profissionais da área de captação e mobilização de recursos de organizações da sociedade civil; gestores de associações e fundações; acadêmicos, estudantes, pesquisadores e demais interessados em compreender a situação atual e as tendências desse segmento.


Serviço:

Acesse o site do evento: http://festivalabcr.org.br/

Confira cobertura completa do evento:

Expertise da organização Atados é usada como case em palestra

Dicas de abordagem online para conseguir doadores, com Nick Allen

Representante da Aldeias Globais mostra como tornar projetos sociais atrativos para apoiadores

Casa de David é caso de sucesso apresentado no Festival ABCR

Mundano inspira os captadores de recursos e ressalta a criatividade em suas mobilizações

Captamos: rede social para troca de conhecimento e experiências na mobilização de recursos

Criptomoedas: uma opção para uma vida financeira mais saudável e para doação de recursos a organizações da sociedade civil

Especialistas da Change.org ensinam estratégias de mobilização on-line

Representantes de organizações explicam casos de inovação na estrutura das organizações para diversificar processo de captação de recursos

O ambiente digital e a captação de recursos são tema de plenária no Festival ABCR

Desenvolver a cultura de doação tem relação com progressão geométrica, segundo Marcelo Estraviz, escritor e ativista no segmento de mobilização de recursos

Realidade virtual pode ser uma saída para divulgar a causa de organizações sociais e contribuir no processo de captação de recursos

Diretora-presidente do IDIS explica a pesquisa Doação Brasil

Especialistas explicam como estimular a doação de imposto de renda a projetos de organizações da sociedade civil

Magic Paula abriu 8ª edição do Festival ABCR


Crédito da imagem: Divulgação
Data original da publicação: 12/05/2016