Aplicativo controla e monitora pragas em lavoura de algodão

Agricultores do semiárido brasileiro podem contar com ferramenta para cultivo de algodão orgânico para melhorar a produtividade no campo e menos impactos socioambientais.

A Embrapa Algodão, em parceria com a Universidade Federal de Campina Grande e o Instituto C&A, desenvolveu um aplicativo denominado SobControle. O algodão orgânico, consorciado com outras culturas agrícolas, tem sido cultivado, principalmente, no semiárido brasileiro nos Estados do Ceará, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Piauí. O cultivo de culturas orgânicas está em crescimento no Brasil e o desenvolvimento de inovações e tecnologias auxiliam os produtores, além de melhorar a produtividade no campo, reduzindo impactos socioambientais.

O aplicativo permite uma troca de conhecimento e experiência entre agricultores sobre o manejo do algodão orgânico, reduz a distância entre os produtores e permite a identificação, erradicação, controle e monitoramento de pragas nas plantações do algodão. Além disso, oferece assessoria técnica, já que essa função tem sido limitante para a expansão da cotonicultura de base agroecológica no semiárido.

Durante o processo de criação do aplicativo, a Embrapa Algodão e a Universidade Federal de Campina Grande trabalharam no desenvolvimento de pesquisas e ferramentas aos pequenos produtores de algodão. Essas informações servem de base para tomada de decisões quanto aos melhores arranjos produtivos em cada propriedade. Dessa forma, será possível traçar uma geografia mais precisa das regiões produtoras, suas peculiaridades, seus desafios e, potenciais.

O aplicativo é uma iniciativa complementar ao trabalho realizado pelas organizações envolvidas, porém com maior amplitude, fluidez e rapidez nas respostas.

Site: https://www.institutocea.org.br/

COMPARTILHAR