3ª Edição do Campus Mobile favorece ideias de aplicativos com foco em empreendedorismo ou nas tecnologias sociais

campus-mobile-lateral-esquerdaA iniciativa tem o objetivo de selecionar jovens que desejam atuar no desenvolvimento de conteúdos e novos serviços, por meio da tecnologia, com a finalidade de promover o desenvolvimento social.

Os interessados podem se inscrever até 09 de novembro de 2015, por meio do link. Também podem participar em grupos de até três pessoas, ou individualmente: universitários e estudantes do ensino médio com idade igual, ou superior a 18 anos.

Estão disponíveis duas categorias: a primeira é tecnologia social, na qual as propostas devem ser voltadas para a formatação de aplicativos a dispositivos móveis, como celulares e tablets, que promovam benefícios para as áreas educacionais, ambientais, de saúde, ou cidadania. Outra alternativa é empreendedorismo, cujo foco é na criação de aplicativos de produtos ou de serviços inovadores.

O processo de seleção será divido em três etapas: seleção, formação e produção. Na primeira fase, serão escolhidos até 80 estudantes. Já na segunda etapa, todos os participantes participarão das oficinas de formação.

Durante essa mesma semana, seis projetos, sendo três de cada categoria, serão premiados com R$ 1.800,00 e vão para a terceira etapa, na qual os candidatos receberão metas para finalizar seus projetos. Quem atingir a meta será premiado com o valor de R$ 6.000.

Os projetos com melhor desempenho, em cada categoria, ganharão uma viagem para a cidade de Palo Alto, nos Estados Unidos, para realizarem uma visita ao Transformative Learning Tecnologies Lab (TLTL), da Universidade de Stanford, e também irão conhecer a região do Vale do Silício.

Serviço:

Link para inscrições: www.institutoclaro.org.br/campusmobile


Crédito do texto: Da Redação